expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

“Vem ver o que eu fiz com o seu celular” é o título de mais uma exposição artista plástico campista Ricardo Salgado aqui na praia do Farol de São Tomé.

Para quem gosta de tecnologia, no estande da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, na orla da praia do Farol de São Tomé, está acontecendo a exposição “Vem ver o que eu fiz com o seu celular”, do artista plástico Ricardo Salgado. São miniaturas de helicópteros e insetos cibernéticos, além de uma mini plataforma de petróleo e do robô batizado de “Restto”, tudo feito com materiais eletrônicos reciclados.

Segundo Ricardo, para confeccionar as miniaturas foram utilizados celulares, barbeadores descartáveis, CDs, placas e circuitos, aparelhos de som, DVDs, joystick de videogames e elementos periféricos de computador, como mouses e teclados. Para as hélices dos helicópteros, o artista plástico aproveitou filmes de raio-x e, para que as hélices permanecessem girando, Ricardo usou motores internos de rádio e DVD energizados por carregadores de celular.

João Francisco Alves, oito anos, ficou encantado com os elementos expostos no estande. “Queria levar um helicóptero desse para casa”, brincou. O casal Victor Souza, 22 anos e Bruna Tavares, 17 anos, também acharam as miniaturas muito interessantes. “É incrível ver como o artista transforma o lixo, que poderia prejudicar a natureza, em arte”, finalizou Victor.

O trabalho de Ricardo Salgado é conhecido nacionalmente e, em abril, o artista plástico fará outra exposição no Instituto Federal Fluminense (IFF). Ricardo também foi convidado pelo diretor do IFF campus Centro, Jefferson Azevedo, e pela Agência Espacial Brasileira para confeccionar uma réplica do satélite Nano, que será enviado ao espaço este ano.