expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Unidade Básica de Saúde do Farol é reformada e passa a ser uma Unidade Pré-Hospitalar.

Depois de muitos anos atendendo a população aqui da praia do Farol de São Thomé como Unidade Básica de Saúde, o local de atendimento à população na praia campista recebeu um grande investimento da Prefeitura, com novas ambulâncias e equipamentos de última geração, se transformando em Unidade Pré-Hospitalar. Isso vem fazendo a diferença para os moradores da região, no atendimento de urgência e emergência.

Com a mudança, os atendimentos de consulta passaram a ser realizados na UBS de Baixa Grande, ficando a Unidade de Saúde do Farol direcionada aos atendimentos mais graves. Mesmo no local existem três clínicos gerais, um ortopedista de plantão, além do plantão odontológico. A unidade conta, ainda, com duas ambulâncias, laboratório para exames de sangue e enzima cardíaca, além de uma sala de raio x.

- Nós temos uma sala totalmente equipada com equipamento de última geração, recentemente adquirido, e estamos em condições de atender a qualquer tipo de trauma. Por isso estamos recebendo pacientes de toda a Baixada Campista, que antes eram direcionados para o Hospital Ferreira Machado - afirmou Carlos Euclides Siqueira, administrador da Unidade Pré-Hospitalar.

Segundo ele, quem for atendido no local recebe acompanhamento até o final do tratamento, o que tem levado muita gente a optar em não ir ao Ferreira Machado. Atualmente a UPH do Farol tem atendido a cerca de 13 mil pacientes mês e cerca de 142 atendimentos com mobilização, evitando assim a transferência para Campos.

- Estamos preparados para atender a população e aos visitantes no período de verão, onde a população do Farol praticamente dobra nos dias de semana e aumenta ainda mais nos finais de semana. Este ano, durante o verão, foram 21 mil atendimentos e a tendência é aumentar em 2015  - esclareceu o administrador.

Para isso, foram feitas várias reformas na unidade que recebeu uma nova recepção, com uma sala de classificação de risco, como existem atualmente nos grandes hospitais, mais um consultório e um amplo setor externo de recepção com banheiro para pacientes e acompanhantes.

E ai, você utiliza os serviços da UPH aqui do Farol de São Tomé? Qual é a sua experiencia com o atendimento? Deixei seu comentário aqui ou lá no Facebook!